A escola como formadora de potencialidades físicas e emocionais

Sabemos que, por questões estruturais, existe uma carência no processo de escolarização desenvolvido por muitas instituições educacionais. Esse problema, que persiste desde a educação infantil, nos leva a uma questão: se nossas crianças não têm o básico, como poderão aproveitar o ambiente escolar para desenvolver as suas habilidades sociais?

educação infantil

A educação infantil envolve muito mais do que apenas o desenvolvimento das questões de cognição, como por exemplo a aprendizagem do alfabeto e de uma sequência numérica. Mesmo sendo habilidades importantes, elas não são o bastante para investir num futuro mais frutífero para as crianças. Por isso nós, na Escola Recanto de Fadas, focamos no desenvolvimento integral dos nossos alunos, com ênfase não apenas na parte cognitiva, como também na socioemocional e na motora. Nossa grade escolar contempla um trabalho com todos esses pilares formativos, bem como enriquecemos o ambiente com a disponibilização de um leque diversificado de atividades extracurriculares, a fim de trabalhar as potencialidades dos estudantes e transformá-los em indivíduos completos.

Afinal, se focarmos desde cedo no desempenho desses exercícios sociais, o seu filho desenvolverá amor pela aprendizagem e será um aluno melhor nos anos posteriores. Mas como fazemos isso?

Esporte

O que é melhor do que se desenvolver fisicamente enquanto se diverte? Com a prática de esporte no ambiente escolar, as crianças têm conhecimento para se manterem ativas por toda a vida.

Podendo escolher a prática esportiva da sua preferência, essas crianças se divertem e, portanto, continuam a buscar movimento. Isso significa dizer que elas passam a dominar as habilidades que já têm, aprendem novas e desenvolvem um estilo de vida mais saudável. Lembrando que, por mais que pareça um conceito simples, é de extrema importância, já que os níveis de inatividade entre a população infantil só aumentam.

O currículo das crianças de 2 a 3 anos da educação infantil trabalha a coordenação ampla através de circuitos motores diversificados, nos quais eles fortalecem e ampliam a destreza no movimento de andar, correr, pular, saltar, tanto em linha reta como em trajetos sinuosos. Para os alunos a partir de 4 anos até 10 anos, as práticas corporais desenvolvidas nas aulas de educação física envolvem um passeio por diferentes modalidades esportivas, contemplando também vivências com as brincadeiras de outrora (chicotinho queimado, baleado, etc…).

Nas nossas aulas opcionais de futebol, judô, balé, capoeira e ginástica rítmica, damos às crianças a chance de aprenderem habilidades como equilíbrio, confiança, trabalho em equipe, criatividade, memória e coordenação.

Música

A inclusão da música no currículo da educação infantil promove a interação social e a ampliação da linguagem. Essas experiências musicais, quando feitas da forma correta, ensinam as crianças a transmitir conceitos abstratos de maneira mais simples.

Assim como o esporte, a música também ajuda a melhorar a memória, a confiança, a fortalecer as capacidades de aprendizagem e a desenvolver habilidades motoras. Esse ambiente musical, desde a primeira infância, ajuda a criança a falar com mais clareza, enquanto desenvolve um vocabulário maior.

Não é apenas papel dos educadores, os pais desempenham um papel importante na criação de uma relação entre seus filhos e a música. Então dance, cante e brinque com eles também!

Aqui na Recanto, a musicalização é também ofertada, como uma opção de escolha (extracurricular), no contraturno, para as crianças tanto da educação infantil quanto dos anos iniciais do ensino fundamental, em ambos os turnos.

Artes

A inserção das artes plásticas no currículo amplia as possibilidades de comunicação e expressão, contribuindo, assim, para uma melhor organização das emoções.

As atividades artísticas possuem um papel relevante no processo de formação integral do aluno, estimulando o desenvolvimento da criatividade e da imaginação, enquanto forma de expressão, além de possibilitarem uma ampliação do repertório cultural e visão de mundo do aluno.

Nossos estudantes têm a possibilidade de explorar o mundo mágico das artes plásticas não só através da grade curricular, como também no contraturno, de forma opcional, se apropriando de diferentes técnicas e tendo acesso a recursos diversificados, através dos quais poderá vivenciar a realidade “maker” com a mão na massa.

Vivências Teatrais

As vivências teatrais fazem parte do cotidiano dos nossos estudantes, da educação infantil ao ensino fundamental I, e se constituem em um recurso fundamental para o desenvolvimento de múltiplas valências (socialização, ampliação do repertório comunicativo, memorização, criatividade, coordenação motora, imaginação, autoconhecimento, organização emocional, inclusão, valorização do coletivo, dentre outras).

Nossas crianças experienciam, tanto nos projetos quanto nas sequências didáticas, oportunidades diversas de estarem tanto no palco quanto na plateia, ampliando as suas habilidades comunicativas.

Como opção extracurricular, ofertamos também, aulas de teatro no contraturno (manhã e tarde).

Idioma

Estudos já mostraram que é muito mais fácil para uma criança aprender uma segunda língua do que para um adulto. Por que não aproveitar esse momento da vida dos seus filhos?

Aprender uma língua não é apenas sobre o vocabulário, também significa aprender sobre uma nova cultura. Em nossa sociedade multicultural, é importante aprender sobre diferentes culturas, comunidades, entender as diferenças e respeitá-las. O ensino de uma outra língua, no nosso caso o inglês, ajuda a criança a fazer novas amizades e a visualizar o mundo mais diversificado.

Desenvolvemos um inglês imersivo, a partir dos 3 anos até o 5º ano do Ensino Fundamental, no qual nossos estudantes vivenciam o idioma intensamente. A partir de 2023, essa experiência está sendo ampliada para os 5 dias da semana.

Acompanhamento Psicológico

Para uma escola de ensino infantil, talvez muitas pessoas não entendam a necessidade de ter um profissional da psicologia para atender os alunos, mas não se engane, ele é muito relevante para o crescimento emocional do seu filho.

Os psicólogos escolares têm o objetivo de ajudar os estudantes a ter sucesso acadêmico, além de social, emocional e comportamental, ao auxiliá-los nos problemas cotidianos, de saúde mental, ou nas dificuldades relacionadas ao desempenho acadêmico. Esses profissionais também são responsáveis por ajudar alunos com deficiência de aprendizagem, sejam eles neuro-típicos ou atípicos, através de sugestões nas adaptações do contexto escolar e conteúdos pedagógicos.

Na Recanto de Fadas possuímos um Núcleo de Psicologia que acompanha semanalmente as turmas no sentido de conhecer e compreender melhor cada aluno e sua individualidade, mapeando o seu comportamento no contexto da coletividade escolar, dando-nos subsídios relevantes para as trocas, tanto com a equipe escolar, quanto com os familiares e profissionais que eventualmente acompanhem o estudante fora da escola (Terapeuta Ocupacional; Psicopedagogo; Fonoaudiólogo; Psicólogo, etc), no sentido de viabilizar o pleno desenvolvimento das crianças.

Pontos Finais

Temos mais de meio século de história e, nessa extensa trajetória, percebemos o quão relevante é ser um instrumento de transformação social, trabalhando com a produção e compartilhamento de saberes.

Para nós, é de extrema importância proporcionar à criança condições adequadas para o seu desenvolvimento, considerando as suas características individuais.

Os pais e a comunidade local possuem um papel importante na formação da aprendizagem de uma criança, motivo pelo qual aqui na Recanto de Fadas buscamos sempre um alinhamento sinérgico e uma parceria colaborativa com todos os envolvidos no processo.

Fale Conosco

Telefone

(71) 3248-2031 / 3344-1360

Endereço

Rua dos Radialistas, 85 – Pituba,
Salvador – BA. CEP: 41810-650

Horário de Atendimento

Segunda a Sexta – 7h30 às 17h30

Escola Recanto de Fadas © 2021. Todos os direitos reservados.